Take a fresh look at your lifestyle.

Anuncio Topo Abaixo da Barra

Irmã de Neymar é suspeita de fraudar CNH e proibida de viajar sem autorização da Justiça

1

Rafaella Santos de 22 anos, irmã do jogador Neymar, enfrenta ação judicial por suspeita de fraudar o processo de emissão da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). A irmã do craque do PSG (Paris Saint-Germain) teria solicitado a permissão para dirigir em Hortolândia, (a 109 km de São Paulo).

MEGA OFERTA: Madeiras com descontos especias é na LA Madeireira

De acordo com o jornal O Dia, Rafaella é suspeita de falsidade ideológica por fornecer seus dados pessoais a uma funcionária do Detran da cidade para emissão da CNH, sem fazer a prova prática e teórica.

Para obtenção da primeira habilitação, segundo o Detran, o candidato deve realizar obrigatoriamente os seguintes exames: avaliação psicológica, exame de aptidão física e mental, exame teórico e prático de direção veicular. Segundo o jornal carioca, Rafaella não teria feito esse passo a passo.

O processo é de 2015 e corre em segredo de Justiça. A denúncia originou outra ação, que tramita desde julho deste ano, no Fórum da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo. O TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) afirmou que existe uma decisão que determina que Rafaella peça autorização da Justiça sempre que viajar.

De acordo com a publicação do jornal O Dia, a irmã do jogador tem que solicitar a autorização caso fique fora de seu domicílio por um período superior a oito dias. Ela também precisa se apresentar periodicamente para informar as suas atividades.

A irmã de Neymar é conhecida por passar longos períodos fora do país, especialmente, em Paris onde vive o jogador. Neste domingo (15/10), ela publicou foto em frente à Torre Eiffel, com uma taça de vinho.

O advogado Davi de Paiva Costa Tangerino, que aparece com um dos representantes de Rafaella no processo, disse que não representa mais a jovem, mas afirmou que entrou em contato com a família, que disse que não vai se manifestar sobre o caso.

A outra representante seria Silvia Helena Cavalcante de Almeida, do escritório  Trench, Rossi e Watanabe. Procurada, a advogada não foi encontrada para comentar sobre o assunto até a publicação deste texto.

 

Mande fotos e vídeos com os acontecimentos de seu bairro para o WhatsApp do Berimbau Notícias 75 9 9190-1606

Folhapress

1 Comentário
  1. Elias diz

    Agora será que o sistema do Detran não frauda isso direto não tem propina pra aprovar uma pessoa despreparada por que só falar da irmã de Neymar por que não abrir uma investigação sobre isso pois é o que mais acontece no Brasil ai a mídia so cai encima da irmã de Neymar e por isso que o Brasil tá uma merda

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.